Importação Por Conta e Ordem

Modalidade regulamentada pela Legislação especifica MP 2.158/01, IN 225/02 e 247/02, esta operação é realizada com recursos do cliente adquirente, onde o cliente adquirente é o responsável pela relação comercial com o cliente e a Prêmmia, como importadora é responsável por todos os impostos da operação.

Ambos, cliente adquirente e Prêmmia são equiparados a Estabelecimentos Industriais, e a Prêmmia possui apenas a posse da mercadoria.

Há a necessidade de um Contrato de Importação por Conta e Ordem entre a Prêmmia e o cliente adquirente, prévio ao embarque, sendo que o cliente adquirente necessita estar habilitado no RADAR. Screen Shot 2013-12-05 at 2.45.49 AM